O “até logo” da Carthago

Após encerrar o ano de 2017 promovendo um histórico evento da raça nelore no litoral paulista, a Nelore Carthago irá se despedir da sua criação de elite. O grupo pretende se dedicar a novos projetos na pecuária que exigem tempo e atenção a longo prazo. Por isso, tomou a decisão de deixar a criação de elite no momento e repassar o belo trabalho que fez nos últimos anos para os criadores que estiverem sonhando em renovar o time de campeãs.

Quem for ao remate de despedida poderá encontrar as melhores matrizes no nelore que acumularam títulos, lideraram o ranking e produziram a atual base da pecuária moderna no mercado de exposições e leilões. Não é um lamento e nem um “adeus” a Carthago, mas sim um até breve.

O evento acontece no dia 10 de março, em Uberada e contará com a presença em massa dos mais importantes criadores do país que admiram o plantel de estrelas da Carthago e que poderão levar uma delas para casa na ocasião.

(Foto: Start Rural)
Anúncios

É a vez do nelore conquistar Ilhabela

O ano de 2017 passou mais rápido que o Lewis Hamilton e você nem percebeu. Pois bem, chegou a hora da raça nelore se reencontrar com o mar, já que foi através dele que ela chegou ao Brasil no século passado. Para isso, um evento inovador foi elaborado para marcar o encerramento da temporada de leilões presenciais do nelore em um dos locais mais belos do litoral paulista: Ilhabela. 

(Foto/Instagram: @NeloreAlMare)

No próximo dia 08 de dezembro, o leilão Nelore al Mare reunirá os grandes neloristas para ofertar a genética dos animais de principal destaque no último ano em eventos e campeonatos do nelore nacional. Os responsáveis por promover esse remate inédito que abrilhanta ainda mais o calendário da raça mais importante do país são os parceiros Grupo Carthago e CRL Agropecuária.

Um dos detalhes que mais atraiu a atenção dos criadores ao receberem o catálogo foi o fato das ofertas exclusivas de jovens doadoras premiadas, animais que se destacaram nas pistas e que por sua grande genética são espetaculares para o investidor. Oferecer o melhor da genética do nelore em um local sofisticado em meio às belezas naturais de Ilhabela demonstra uma forma familiar de realizar excelentes negócios ao fim deste ano.

Mais do que um evento requintado, os promotores querem mais do que nunca receber os amigos e os deixarem à vontade se sentindo em casa. Não há dúvidas de que todos terão uma grande noite e sairão com ótimas lembranças de cada momento que será vivido por lá.

Em oferta estarão grandes estrelas da raça que não poderiam faltar na primeira edição desse remate. Uma delas é a jovem Helena FIV Carthago, considerada uma das grandes revelações das pistas nos últimos anos por toda qualidade e beleza que esbanja terá uma prenhez com Brado S. Marina à disposição dos compradores.

Outras prenhezes de matrizes especiais também são ofertadas, como Alucinação El Far, Raridade FIV da RFA, Charleston da Sabiá, RIMA FIV Kaia e a fenomenal Thamara FIV Integral, que não poderia jamais ficar de fora dessa importante ocasião.

Além de prenhezes enriquecedoras da genética, o leilão Nelore al Mare trará animais que agregam produtividade em qualquer plantel que esteja buscando inovação em seu time de pista. O destaque desta vez fica por conta de Melinda FIV Carthago, a bezerra com seus oito meses de vida é considerada uma das mais raçudas e expressivas já nascidas na Nelore Carthago.

Melinda FIV Carthago comprova que sua marca consegue ser adepta ao desprendimento e repassar o melhor de seu trabalho para os pecuaristas ao ofertá-la. (Foto/Reprod: Catálogo Nelore al Mare)

Filha do Kayak TE Mafra com a renomada Juma TE Pontal (Betina I LRMS), Melinda tende a ser uma grande promessa para o próximo ano na raça e desde cedo ostenta 432 quilos. Sim, ela está pesando mais que o centroavante do seu time. Brincadeira à parte, ela já é sinônimo de eficiência.

A CRL Agropecuária também ofertará uma linda bezerra que exibe todo o poder de produção e qualidade de um plantel tão novo, que em pouco tempo conquistou grandes prêmios e já é considerado um dos melhores do país. Bela Vista FIV CRL leva em seu DNA ninguém menos que Prada TE da Sabiá (mãe) e Kayak TE Mafra, o que faz de Bela ser apontada como uma das futuras grandes doadoras da raça em breve.

Bela Vista FIV CRL será ofertada pela CRL em parceria com a Fazenda Sabiá. Beleza racial e carcaça moderna fazem dela um animal perfeito.

O Nelore al Mare acontece pela primeira vez na capital da vela, Ilhabela, e será transmitido no Canal Rural X a partir das 21h, horário de verão. Encerre o ano com chave de ouro nesse remate histórico para a família nelorista. Bons negócios!

Assessoria é coisa séria!

Antonella FIV Carthago
Antonella FIV Carthago durante a Expoinel 2015. (Foto: @lancerural)

Fazer uma seleção e formar um plantel produtivo na pecuária exige algo muito além da genética: uma boa assessoria. Nessas horas é preciso ter cuidado com alguns oportunistas que não possuem conhecimento suficiente para levar o produtor rural para o caminho mais correto. Ser assessor não é apenas pegar um catálogo e incentivar a compra de um animal.

Uma assessoria competente tem como objetivo atender aos criadores e selecionadores de uma determinada raça em todas as fases de produção, principalmente no momento da comercialização de seus animais. Para que um plantel atenda às exigências do mercado comprador, os assessores acompanham os produtores que são direcionados nas atividades como um todo, desde o trabalho pré-porteira, na compra e venda de animais e até mesmo na escolha dos acasalamentos de futuras prenhezes e filhas diretas.

No ano passado fui a um evento próximo à minha cidade, onde estava havendo uma comercialização de gado para seleção de melhoramento e também para cria, recria e engorda. Durante o remate, ouvi na mesa ao lado uma pessoa dizendo ser assessor pecuário conversando com um pecuarista. Não me recordo o assunto propriamente dito, mas a frase que me assustou foi: “Sabe a Marani da JS, filha do Ludy? Muito boa…” Olha amigos, eu com nove anos de idade já sabia que a Marani era Fajardo. Imagino então vocês, muito mais experientes na área. E a pessoa não corrigiu o erro e ao menos sabia que estava equivocado naquele momento.

Esse é apenas um pequeno exemplo de tantos outros erro inclusive muito mais graves que acontecem no meio pecuarista, onde pseudos profissionais não estão preocupados com o ganho do criador, mas somente com o seu próprio. A pecuária é seletiva até mesmo nesse ponto, pois se encarrega de manter em atividade aqueles que realmente são sérios e buscam se especializar para serem assessores que possuem o conhecimento adequado para atuarem no mercado.

Um assessor pecuário precisa ser prestativo e ostentar o conhecimento exato do que irá oferecer ao cliente.  Não é qualquer pessoa que fará isso. É no trabalho do assessor pecuário  que o produtor verá a elevação dos índices de sua produção através de uma exploração eficiente dos animais que ele tem, visando assim a lucratividade e o crescimento da qualidade de seu plantel. Além dos prêmios que poderão vir das pistas com o resultado desse trabalho desde os primeiros investimentos até nas produções da própria marca.

A consultoria pecuária implanta projetos estratégicos de intensificação tanto do gado de seleção quanto no gado de confinamento. Quem viu a pecuária sair de uma era arcaica para se tornar atualmente uma pecuária de liderança mundial. Isso é fruto de um trabalho duro de todo mundo que é envolvido no agronegócio. Em suma, não dê espaço para quem realmente não tenha o conhecimento necessário, assim não correrá o risco de colocar todo o seu investimento a perder.

O trabalho de assessoria na pecuária não pode ser tratado como um hobby ou bico de fins de semana. Ser assessor é algo sério e exige responsabilidade. Como já foi dito uma vez, o agro pode ser tudo, menos “POP”. Até a próxima!

Las Vegas muito além dos cassinos

Desde os primeiros passos dados na história da raça nelore no Brasil, os criatórios goianos se tornaram referência na produtividade e na qualidade de cada animal selecionado. Com o auxílio da genética de ponta vinda de estados como Paraná, São Paulo e Minas Gerais, o nelore goiano conquistou uma beleza única que atrai os apaixonados investidores para o ramo.

Em meio a diversos nomes importantes da genética nelorista, uma matriz tem se consagrado pela sua imensa produtividade e na oferta de suas prenhezes nos eventos que participa. Ela encanta a todos pela estrutura muscular, desenho de carcaça com feminilidade e beleza racial. O que os selecionadores tanto buscam na raça pode ser encontrado na magnífica Las Vegas FIV da Jaraguá, umas das estrelas do consagrado plantel desse criatório que está a mais de 40 anos no mercado.

Tão fotogênica quanto Las Vegas Strip. (Foto/Arquivo)

Filha do renomado Helíaco da Java com a belíssima Beluga TE Sabiá, Las Vegas ostenta em sua beleza a mesma magia que pode ser vista na cidade que leva seu mesmo nome. Um lugar excepcional só poderia contribuir ainda mais com a elegância da bela matriz, que é requisitada nos leilões mais importantes da atualidade pela sua qualidade genética já comprovada.

A matriz que hoje é sinônimo de funcionalidade e ótima habilidade materna, além de pertencer ao Nelore da Jaraguá conta também com a parceira da Agropecuária 2L e do Nelore UBP que estão mais do que satisfeitos com sua produção.

O Nelore da Jaraguá foi pioneiro,  juntamente com  a  Agropecuária  Barba, a  venderem embriões decorrentes de transferência embrionária (TE). Mesmo longe de badalações, continuou realizando o trabalho  de selecionamento da raça, priorizando a rusticidade, a produtividade, a caracterização racial e a qualidade maternal dos animais de sua marca.

Localizada em Itarumã, interior de Goiás, a Fazenda Jaraguá   está   sempre   com  sua produção  disponível para  a   visita  e a comercialização permanente de gado e embriões de Nelore PO e POI. Em 2017, o dia de campo realizado na fazenda foi um dos mais rentáveis e visitados do ano. Quem esteve no evento pode ter a chance de conferir de perto o resultado do trabalho de sucesso que tem sido feito pela equipe do respeitado criatório.

Las Vegas apresentando seu potencial de mãe. (Foto/Arquivo)

Em seus 41 anos de criatório, o Nelore da Jaraguá produz como poucos no Brasil animais que se tornam barrigas de ouro e oferecem quase que a perfeição tão desejada no melhoramento genético. Quem deve consolidar isso nas pistas é uma bezerra da Jaraguá chamada Reserva, que em breve será titular em qualquer time do nelore moderno.

A rápida ascensão da CRL Agropecuária

Para construir um time campeão é indispensável o investimento na seleção correta de quem encabeçará uma equipe competitiva e de alto nível. O mesmo acontece na pecuária com quem deseja fazer uma marca de sucesso em um período considerável. E não é preciso ter uma fortuna como a de Nasser Ghanim Al-Khelaifi, o homem do dinheiro no Paris Saint-Germain.

Enquanto muitos clubes demoram a encontrar o melhor caminho para alcançarem o desejado retorno do que foi investido, a raça nelore vem comprovando a cada ano por sua precocidade e qualidade que não é mais necessário esperar anos para que se chegue aos objetivos sonhados pelo investidor que acredita nos animais que adquire durante o ano.

Quem tem aproveitado para colher os frutos do aprimoramento genético de sua criteriosa seleção no nelore é a CRL Agropecuária. Um projeto iniciado com a aquisição do Nelore Vanguard e hpje marcado pela dedicação, observação de detalhes e aperfeiçoamento da raça desde outubro de 2015 conseguiu chegar ao topo visando o que o mercado tinha de melhor para oferecer.

Nos últimos dois anos, a marca se tornou um dos criatórios mais reconhecidos no Brasil por seus resultados nas pistas, com importantes conquistas nas principais exposições da temporada. A CRL Agropecuária conta hoje com grandes doadoras que lhe permitiram garantir uma genética diferenciada na formação do seu time de craques.

Com isso já possui animais do próprio berço se destacando nos campeonatos, como tem sido ALANA FIV CRL. A bezerra filha do touro Nasik FIV Perboni foi a campeã da Expozebu 2017 e brilhou no Leilão Noite dos Campeões onde foi comercializada em 50%. Outra cria da marca que tem feito uma carreira premiada nas pistas é o jovem touro Alarme FIV CRL.

O criatório também conta com um reforçado time de doadoras que contribuem com grandes remates durante o ano na venda de prenhezes. Entre elas estão Safira Terramata, Raridade FIV RFA, Instrutora II da Pau D’arco  e a fenomenal Thamara FIV Integral que levou o título de Reservada Campeã da Expoinel 2017. Mas um animal em especial que contribuiu para que a CRL fosse coroada como o Melhor Expositor da Expoinel Nacional foi o touro Rima FIV Magistrado, filho do Kayak TE Mafra com a Tri Grande Campeã Nacional, Bélgica 8 FIV da 3R.

(Foto/Reprodução: Instagram)

Dias antes, o touro havia recebido a visita do jogador Lucas Silva, do Cruzeiro. Na última semana de setembro, o time se consagrou pentacampeão da Copa do Brasil. Quatro dias depois, na manhã de domingo foi a vez do touro receber o prêmio de Grande Campeão da Expoinel Nacional. Nem dá para dizer que foi coincidência, não é!?

Das coisas que mais chamam a atenção na trajetória meteórica da CRL no nelore são suas conquistas. Aliás, vocês devem conhecer alguma promessa do futebol que viveu dos holofotes e depois não vingou de jeito nenhum. Não vou citar nomes (Kerlon “Foquinha”; Keirrison; Lulinha), pois é apenas para reforçar que a CRL não foi somente uma promessa da pecuária.

Quando completou 1 ano de trabalho, o criatório levou a Medalha de Ouro do Ranking Regional de Minas Gerais na categoria de Melhor Expositor em 2016. Em 2017, além de repetir a conquista regional, terminou o ranking nacional como vice-campeã dos expositores e já está no hall das melhores agropecuárias do país.

Para encerrar o ano, a CRL junto com o Nelore Carthago irá promover um inédito leilão na raça que fechará o calendário nelorista em grande estilo. O remate “Nelore al Mare” acontecerá em 09 de dezembro e promete ser daqueles eventos que proporcionam uma experiência diferente de tudo que já se viu na pecuária. Melhor ainda é pensar que esse é só o começo do sucesso do time CRL que ainda terá muitas conquistas e histórias para escrever na raça nelore.

Espaço da Criadora irá surpreender na Exposição Nacional do Campolina

A capital mineira será palco da 37ª Exposição Nacional do Campolina que acontece de 09 a 14 de outubro no Parque da Gameleira, em Belo Horizonte. A edição de 2017 deverá atrair a família Campolina e pensando nisso os promotores irão oferecer uma estrutura aconchegante para quem for conferir as novidades da raça durante a exposição.

Uma das atrações inéditas para esse ano será um espaço inteiramente dedicado às mulheres e que promete surpreender as convidadas que passarem por lá: o Espaço da Criadora!

(Foto/Reprodução: @anamarquito)

Para estar à frente dessa brilhante tarefa, o convite não poderia ter sido feito para outra pessoa que não fosse tão bem preparada e querida por todos como a criadora Ana Marquito, que levará o seu know how de muitos anos à frente da Casa da Criadora no Mangalarga Marchador para a família Campolina.

Com toda experiência e dedicação, Ana também apresentou neste ano o stand dos Haras El Far e Cristal PVB que funcionou durante a Exposição Nacional do Cavalo Mangalarga Marchador realizada no mês de julho.

“O stand foi criado e pensado exclusivamente para bem receber os amigos criadores de todo o Brasil juntamente com suas famílias. E foi um prazer enorme estar à frente comandando toda a organização”, comentou Ana sobre a experiência na Nacional. O local foi um dos stands mais movimentados e prestigiados durante a exposição por muitos criadores e amigos ilustres da raça Marchador. 

Ana Marquito esbanjou toda sua elegância durante o 1º Leilão El Far e Cristal

Após o sucesso do lançamento do remate no stand na Nacional, o leilão realizado nos últimos dias 15 e 16 de setembro, foi um enorme sucesso e bateu o recorde de todas as raças alcançando um faturamento total de mais de R$ 11 milhões de reais.

O evento foi prestigiado por criadores de Norte a Sul do país no Mix Garden, em Belo Horizonte onde tiveram a oportunidade de adquirir o melhor que a genética do Marchador poderia oferecer. Ana declarou que eles pretendem repetir a segunda edição daqui dois anos.

Por enquanto, a primeira-dama do Marchador se dedicará agora ao Espaço Criadora e perguntei a ela sobre como começou sua relação com a raça Campolina. “A minha proximidade com o Campolina deu-se através da amizade com a atual primeira-dama da raça Campolina, Susana Salum. Nós mulheres que frequentamos os parques de exposição, sabemos da falta que faz um espaço e programação dedicado à nós, pois muitas vezes ficamos entediadas e sem lugar”, contou Ana.

Pensando sempre no bem-estar dos convidados e amigos, Ana se preocupa com cada detalhe para receber-los da melhor maneira possível (@anamarquito)

E que mulher nunca sentiu aquele tédio em muitas exposições que não oferecem nenhum atrativo específico para ela? Inclusive, me lembro que Ana foi uma das primeiras pessoas no Brasil a pensar nas mulheres nessas ocasiões ao disponibilizar um local dedicado para agradar as criadoras.

“Comandei a Casa da Criadora no Mangalarga Marchador durante os 8 anos de gestão do Magdi Shaat, e foi um projeto que deu super certo. Foi muito recebido pelas mulheres. Por quê não levar para outras raças?”, pensou ela.

Foi assim que surgiu o convite do Campolina, muito bem recebido e aceito por Ana Marquito para repetir o sucesso das edições passadas no Marchador em uma grande exposição de outra raça. “Fiquei lisonjeada em poder contribuir e fazer parte da família Campolina!”, afirmou a criadora.

O Espaço da Criadora funcionará de 10h às 19h durante a Exposição Nacional do Campolina e todos os dias haverá um atrativo para as mulheres, como conta Ana. “No Espaço da Criadora acontecerá palestras, tarde gourmet, degustação de espumantes, dicas de beleza e maquiagem, confraternizações…. Enfim, uma enorme programação espera as criadoras!”.

Ana é exemplo de bom gosto quando o assunto é se vestir bem em qualquer ocasião. Não poderia ser diferente durante seu leilão. (@anamarquito)

Um dos objetivos de Ana ao levar esse espaço inédito para um evento diferente é mostrar a importância do que deu certo no Mangalarga Marchador e também poderá dar um ótimo resultado no Campolina. “A união das raças é importante, isso só vem a somar forças.”, concluiu ela. 

Quem quiser preparar um look especial para a exposição ou incrementar a coleção de assessórios que exaltam a beleza das raças equinas, pode acessar o site Ana Marquito Store para conferir as novidades e escolher peças incríveis que deixam qualquer mulher com muito estilo. E visite o Espaço da Criadora para viver uma ótima experiência durante a Exposição Nacional do Campolina.

O fenômeno Bedoino

Qualidade, beleza racial, físico impecável e genética são as características que resumem bem esse touro que desponta como um novo fenômeno da raça nelore. Bedoino FIV, filho de Graúda (Bruna Zeb VR x  Big Bem SN) e Heróico de Naviraí (Bitelo x Tarja de Naviraí) consagrou-se no último fim de semana como o campeão Touro Jovem da Expoinel 2017.

Pesando mais de 1.000 Kg com 27 meses de idade, já é considerado um futuro grande raçador por conta dos títulos conquistados em pistas importantes. Nesse ano, chamou a atenção de todos por ter levado o prêmio de Reservado Touro Jovem da Expozebu. Em julho, na Expo Rio Verde não teve quem superasse sua qualidade. Bedoino conquistou os campeonatos de Campeão e Grande Campeão na capital do agronegócio goiano.

BEDOINO FIV quando se tornou campeão na Expo Rio Verde 2017 em Julho

Em seguida, no mês de agosto foi coroado o Campeão Touro Jovem na inédita Breeders Cup, que premiou os melhores animais da raça na atualidade. Antes de chegar na Expoinel, passou pela Expo Porangatu 2017 para ser o Grande Campeão da exposição no interior de Goiás. E a cada campeonato, o jovem touro vem constatando seu futuro muito promissor nas pistas para se tornar um dos melhores touros de central do nelore moderno.

Bedoino é tão fenômeno quanto Thamara FIV Integral, outra arrebatadora de títulos.  O touro craque do momento encanta e impressiona muitos selecionadores desde bezerro. Um animal que imprime muita beleza, estrutura e o biotipo que carrega no pedigree.

Sem dúvida ele se tornará um touro destaque em comercialização de sêmen, que poderá ser muito utilizado na produção de bezerros para a pecuária de corte e também na produção de animais de pistas. Além de demonstrar muitas chances de ser futuramente um recordista de preço em uma possível venda.

Assim, essa promessa logo fará parte do hall de touros que transmitem a precocidade e a qualidade de carcaça tão desejada pelos criadores. Voa, Bedoino. Estamos torcendo por você!

“A genética não mente.” Bedoino campeão Touro Jovem da Expoinel 2017